.


“Se servistes a Pátria que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis e ela, o que costuma”


(Do Padre António Vieira, no "Sermão da Terceira Quarta-Feira da Quaresma", na Capela Real, ano 1669. Lembrado pelo ex-furriel milº Patoleia Mendes, dirigido-se aos ex-combatentes da guerra colonial.).

-

"Ó gentes do meu Batalhão, agora é que eu percebi, esta amizade que sinto, foi de vós que a recebi…"

(José Justo)

-

“Ninguém desce vivo duma cruz!...”

António Lobo Antunes, escritor e ex-combatente

referindo-se aos ex-combatentes da guerra colonial


.

.
.

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

RECONHECIMENTO

ESTES SÃO OS EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART. FALTAM AQUI OS EMBLEMAS DAS UNIDADES DA ARMADA E DA FORÇA AÉREA QUE TANTAS VEZES FORAM AO ENXUDÉ, A TITE, A NOVA SINTRA E OUTROS AQUARTELAMENTOS, PARA ENTREGA E LEVANTAMENTO DE CORREIO, REABASTECIMENTOS DE GÉNEROS E MATERIAL BÉLICO E OUTRO DIVERSO, OU PARA EVACUAÇÃO DE MORTOS E FERIDOS E TAMBÉM PARA FLAGELAÇÃO DO IN. E AINDA VÁRIAS UNIDADES DE INTERVENÇÃO RÁPIDA TAIS COMO PARAQUEDISTAS, FUZILEIROS, COMANDOS E OUTRAS COMPANHIAS, PELOTÕES OU SECÇÕES, PARA AJUDA EM MOMENTOS MAIS DIFICEIS.

Facebook

Para abrires o nosso FACEBOOK, clica aqui


______________________________________________________________

segunda-feira, 23 de maio de 2016

As fotos dos anos 90 - do Narciso.




AMIGOS E COMPANHEIROS
 O Narciso entregou-nos uma coleção de fotos a que eu chamei de FIM DE SÉCULO (a lembrar uma aguardente famosa).
Estas fotos são duma riqueza extraordinária, porque mostram bem como eram as fatiotas nos anos 90, do fim do século passado e o aprumo com que os guerreiros se apresentavam nos primeiros almoços (o primeiro foi em 1990) - muitos de nós estão de fato e gravata e o Hipólito até ia de gabardine comprida, como à época se usava.
De realçar também que estas fotos foram tiradas como se usava na altura, com uma máquina analógica, rolo de filme de 36 fotografias, que eram reveladas em laboratório. Nada que se compare com a rapidez das máquinas digitais atuais.
 Estou a organizar um pequeno video, mas para vos abrir o apetite, junto estas fotos que acho deliciosas, tiradas no almoço da Batalha, organizado pelo Monteiro e Guimarães e no almoço em Mira, organizado pelo Claro.
Leandro Guedes.

2 comentários:

Hipolito disse...

Gabardine comprida e comprada! . . .
Parece-me, com todo o devido respeito, que é muito, que esse almoço foi na Batalha, único a que estive presente nos primórdios.
Como relapso, que sou, só voltei aos mesmos em Salir do Porto.

leandro guedes disse...

Pois é amigo, tens razão foi na Batalha.
Começamos muito poucos e hoje somos muitos.
Um abraço e as tuas melhoras.
LG.