.

--

Se servistes a Pátria que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis e ela, o que costuma! (Patoleia Mendes ).

-

"Ó gentes do meu Batalhão /

Agora é que eu percebi /

Esta amizade que sinto /

Foi de vós que a recebi…"

(José Justo)


.

.
.

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART
EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

Facebook

Para abrires o nosso FACEBOOK, clica aqui


______________________________________________________________

domingo, 30 de outubro de 2016

Um louco ainda pode curar-se, um imbecil, não!


PESTE GRISALHA...

 "Os portugueses estão a desaparecer. O envelhecimento da população portuguesa é uma evidência incontornável.
 Portugal é o país da União Europeia que mais sofre com esta tragédia social.
 Segundo estimativa do INE, em 2050 cerca de 80% da população do país apresentar-se-á envelhecida e dependente e a idade média pode situar-se perto dos 50 anos.
 A nossa pátria foi contaminada com a já conhecida peste grisalha...
 Carlos Peixoto, deputado do PSD"
 (http://www.ionline.pt/opiniao/portugal-cabelos-brancos)
 -
 O naco de prosa que acima reproduzo é tirado de um artigo assinado pelo advogado e deputado do PSD, Dr Carlos Peixoto, que foi publicado no "jornal i" de 10 de Janeiro último e que se pode ler na integra no link acima.
 Ora pertencendo eu ao grupo dos que, já não sendo novos, continuam a trabalhar e a contribuir para a S. Social, como talvez o insigne representante do seu povo não consiga vir a fazer, pergunto que idade terão ou teriam aqueles que lhe deram origem.
 De facto, com deputados destes, o melhor seria não lhes dar a palavra. Ou, em alternativa, não os eleger!
 Helena Sacadura Cabral.
 -
 Reproduzimos aqui primeiramente, parte do artigo do ilustre deputado da Nação, também ele com pais em idade de serem uma peste, artigo que tem dado bastante celeuma.
 Logo a seguir vem um breve e suave comentário de Helena Sacadura Cabral.
 Vamos ver se este tema tem mais ou menos comentadores que o do célebre ovo do galo do Pica (ou galinha)...
 Lembramos que posteriormente um idoso de 72 anos de Coimbra, também ele contribuinte para o salário do senhor deputado, respondeu à letra, foi julgado e condenado a uma multa de 4.200 a pagar ao senhor deputado, autor de tão ilustre peça literária... Se acharem interessante a dita carta será aqui reproduzida, bem como outras achas para a fogueira!
 Entretanto informamos que está a decorrer uma petição na net que pode ser assinada por qualquer um de nós, solicitando ao Senhor Presidente da República, a anulação da sentença que condenou este nosso concidadão de Coimbra, tão lúcido e esclarecido, apesar de ir ser entregue recurso ao Tribunal europeu dos direitos humanos.!

sábado, 29 de outubro de 2016

Encontrei o Amador.


Ontem fui assistir a uma festinha na escola do meu neto, que tem 10 anos. A certa altura alguém me bate nas costas - era o Amador. Foi uma alegria encontrar este nosso companheiro, numa escola onde ele também tem um neto, embora um pouco mais velho que o meu. Eu não sabia.

Boa saúde para o Amador e que os nossos netos sejam felizes!

Leandro Guedes.

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Almoço de cozido à portuguesa


Almoço de cozido à portuguesa:

 Enquanto não se decidem quanto ao almoço de ovos, galinhas e galos, garnisés e coquichos, o nosso capitão Paraiso Pinto achou por bem marcar um almoço de COZIDO À PORTUGUESA, no próximo dia 17 de Novembro, na Aldeia de Serreira, no Café Central, perto do Sobral de Monte Agraço. O mesmo onde fomos com o falecido companheiro Gentil Lourenço. Aceitam-se inscrições. Já sabem que a despesa no fim é dividida por todos. Esqueci de dizer que só paga quem for ao almoço...!!! Os outros que não forem, mesmo que queiram pagar, não podem!!!

 Leandro Guedes.

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Faleceu o nosso companheiro António Traquino




Companheiros-
 É com profundo pesar que vos comunicamos que faleceu hoje o nosso companheiro António Luis Reis Traquino.
À família enlutada expressamos os nossos mais profundos sentimentos.

 O seu funeral realiza-se amanhã às 11 horas da Igreja de Silves, no Algarve.
 Agradece-se a quem possa comparecer.

 Leandro Guedes.
_________________________
Comentários no facebook, ao falecimento do nosso amigo Traquino:
José da Costa :
Hoje a saudade nos faz mais uma visita, mas não vem acompanhada da tristeza como protagonista. Com corações mais confortados, dedicaremos este dia para relembrar os bons e maus momentos que foram compartilhados pelos camaradas em TITE Guiné-Bissau entre 1967/9. Descansa em paz camarada!
Bart Tite Guine Bissau :
É esse o nosso voto sincero, que descanse em paz!
Alfredo Alves :
E assim vão partindo deste mundo os nossos camaradas da Bart Tite Guine Bissau 67/69 para as familias o meu voto sincero de sentimentos.

José Justo :
Mais um back no coração!! Era dos poucos camaradas com quem me dava bastante. "Gente fina é outra coisa" Muito educado, nas longas conversas que tínhamos quase diariamente falava pausadamente e com muito tino. Era um conversador por excelência.
Recordo que chegou a ter um mini quarto no anexo na oficina de rádio, no edifício das Tms, onde os dois sentados na cama fazia-mos por vezes os nossos petisquitos. Tenho várias fotos com ele, pois era um dos meus "copain de route" diários. Como escrevia o Eça nos Maias: "Cada um tem os seus mortos" e sou apologista que nestas alturas tudo o que se diga só vai picar mais as dores dos entes queridos. Abraço amigão, a gente vê-se!!








Sori Balde :
Que a terra seja leve para ele.
Carlos Azevedo :
sentidas condolências aos familiares do nosso camarada de armas e amigo António Traquino. Que a paz te acompanhe na tua ultima viagem .
Raul Pica Sinos :

A vida também é composta pela morte. Choro pelo seu afastamento físico. Até amanhã camarada. A família enlutada os meus sinceros pêsames.

Luis Manuel Dias :
É com desolação, um sentir profundo, camaradas do Bart Tite Guine Bissau, que acabo de tomar conhecimento do falecimento do inesquecível 'responsável' da 'arrecadação' de material das TMS (e tb local de reparações do Fur. Rádio-montador, vulgo ''oficina de rádio'', como o José Justo refere), nosso camarada Ant. Luís TRAQUINO. Obviamente, fiquei surpreso. Ignorava-o doente, ou mal que fosse de se finar tão breve. As condolências à família. A ti, querido companheiro de armas, um momento de reflexão. ''Requies tibi dona Dominus, in pacem !!!'' Ver-nos-emos, convicto estou, ao terminarem os meus dias, nesta faina. Aos restantes, mau grado esta triste nova, que fiqueis bem. Abraços.

Jose Manuel Amaro Santos :
Sentidos pêsames, a familia enlutada, descansa em paz camarada.

Vitor Barros :
Foi com profunda tristeza que tomei conhecimento do falecimento do nosso companheiro Luis Traquino, a todos os seus familiares os meus pêsames.

Amadeu Contige :
Os meus sentidos pêsames à família, descansa em paz camarada.
Jorge Gouveia :
Os meus sentimentos a família e um eterno descanso ao Traquinas

Hipolito Almeida Sousa :
Sentidos pêsames.Que descanse em paz.

Fernand Santos :
Os meus sentidos pésames à familia et um eterno descanso ao Traquino.

Jose Narciso Costa :
Foi com grande consternação e tristeza que recebi a notícia do falecimento do nosso amigo combatente, António Luís Traquino. À família os meus sentidos pêsames .


Francisco Ramos :
OS MEUS PESAMOS HA FAMILIA ELUTADA DESCANSA EM PAZ CAMARADA TRAQUINO

De Francisco Magro:
Foi sem surpresa, mas com muita tristeza, que tomei conhecimento da morte do Traquino. Falei pessoalmente com a esposa sobre a gravidade da situação clinica dele. Depois ainda lhe liguei e falei com ele e pela voz apercebi-me de que ja não havia esperança para ele. ATE BREVE CAMARADA E AMIGO TRAQUINO. À esposa e filho e restante família sinceras condolências . Francisco Magro

Henrique Guimarães:
Paz à sua alma e sentidos pesamos à sua família.

Mamadú Djaló :
Deus lhe dé um bom catinho na glória
José Ruivo :
Sentidos Pêsames `a família.




quarta-feira, 5 de outubro de 2016

A estação de São Bento, no Porto, faz hoje 100 anos





O Edifício
A Estação de São Bento, faz hoje 100 anos.
Está situada na Praça de Almeida Garrett, tendo o edifício da Estação, de influência francesa, sido delineado pelo arquitecto portuense José Marques da Silva.  Entrou ao serviço, de forma provisória, no dia 8 de Novembro de 1896, só tendo sido oficialmente inaugurada em 5 de Outubro de 1916. Situada no Centro Histórico do Porto, a estação afirmou-se como um dos principais monumentos na cidade, sendo especialmente célebre pelos seus painéis de azulejo

Azulejos e arquitectura
O átrio principal da estação está revestido de azulejos de temática histórica.  Cobrindo uma superfície de cerca de 551 metros quadrados, representam, principalmente, cenas passadas no Norte do país, estando retratados, entre outros aspectos, o Torneio de Arcos de Valdevez (painel Batalha de Arcos de Valdevez), a apresentação de Egas Moniz com os filhos ao Rei Afonso VII de Leão e Castela, no Século XII, a entrada de D. João I e de D. Filipa de Lencastre no Porto (painel Entrada de João I no Porto), em 1387, a Conquista de Ceuta, em 1415, e a vida tradicional campestre (painéis Vistas e Cenas Rurais); um friso colorido (História dos Transportes) dedica-se à evolução dos transportes em Portugal, concluindo com a inauguração dos caminhos de ferro. Foram produzidos na Fábrica de Sacavém e instalados entre 1905 e 1906 pelo artista Jorge Colaço, que, nessa altura, se afirmava como o mais popular azulejador em Portugal. Os azulejos apresentam um estilo típico da Arte Nova, utilizando cores muito claras, conhecidas como cores-pastel.

Além dos azulejos, outros aspectos a destacar na estação são a cobertura sobre as vias e a monumental fachada,  que, como a maior parte das obras de Marques da Silva na cidade do Porto, apresenta uma forte influência francesa, que se verificou especialmente nas torres laterais, com um estilo típico da Escola de Fontainebleau, oscilando entre a Arquitectura renascentista e a Belle Époque .
(in Wikipédia).

A foto que se segue foi recolhida na net e mostra a cena da inauguração. Agradecemos ao autor.

Inauguração da estação provisória de São Bento, em 1896. A Igreja do antigo convento está à esquerda.








Este pequeno video, mostra uma máquina antiga em funcionamento, à troca de 1 euro, e que está instalada no átrio da estação.