.


“Se servistes a Pátria que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis e ela, o que costuma”


(Do Padre António Vieira, no "Sermão da Terceira Quarta-Feira da Quaresma", na Capela Real, ano 1669. Lembrado pelo ex-furriel milº Patoleia Mendes, dirigido-se aos ex-combatentes da guerra colonial.).

-

"Ó gentes do meu Batalhão, agora é que eu percebi, esta amizade que sinto, foi de vós que a recebi…"

(José Justo)

-

“Ninguém desce vivo duma cruz!...”

António Lobo Antunes, escritor e ex-combatente

referindo-se aos ex-combatentes da guerra colonial


.

.
.

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

RECONHECIMENTO

ESTES SÃO OS EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART. FALTAM AQUI OS EMBLEMAS DAS UNIDADES DA ARMADA E DA FORÇA AÉREA QUE TANTAS VEZES FORAM AO ENXUDÉ, A TITE, A NOVA SINTRA E OUTROS AQUARTELAMENTOS, PARA ENTREGA E LEVANTAMENTO DE CORREIO, REABASTECIMENTOS DE GÉNEROS E MATERIAL BÉLICO E OUTRO DIVERSO, OU PARA EVACUAÇÃO DE MORTOS E FERIDOS E TAMBÉM PARA FLAGELAÇÃO DO IN. E AINDA VÁRIAS UNIDADES DE INTERVENÇÃO RÁPIDA TAIS COMO PARAQUEDISTAS, FUZILEIROS, COMANDOS E OUTRAS COMPANHIAS, PELOTÕES OU SECÇÕES, PARA AJUDA EM MOMENTOS MAIS DIFICEIS.

Facebook

Para abrires o nosso FACEBOOK, clica aqui


______________________________________________________________

sábado, 23 de novembro de 2013

Comer bem e barato à moda do Porto, lá mesmo...!


Caros amigos, companheiros e visitantes.
Vimos hoje partilhar convosco o nome dum blog que se dedica a mostrar as adegas e restaurantes, onde se pode comer bem e barato no Porto - Francesinhas, Tripas, Feijoadas, Cozidos, etc etc.
Vale a pena fazer uma visita a este blog, que se encontra, a partir de hoje, no nosso blog, na coluna de "Blogs simpácticos".
Bom apetite...

http://epicuristaportuense.blogspot.pt/

1 comentário:

José Justo disse...

E que bem se come no Porto!!...e que bem se come na nossa terra.
Adoro francesinhas, mas normalmente tirava parte das carnes, que acho ser um exagero.
Cá por Lisboa já começam a aparecer umas casas da especialidade.
E as tripas!!...só o ano passado consegui descobrir o segredo do paladar que só encontrava na dobrada do Porto, dito por uma senhora de Matosinhos.. é o cravinho em quantidade!! Aqui fica o segredo.