.

--

Se servistes a Pátria que vos foi ingrata, vós fizestes o que devíeis e ela, o que costuma! (Patoleia Mendes ).

-

"Ó gentes do meu Batalhão /

Agora é que eu percebi /

Esta amizade que sinto /

Foi de vós que a recebi…"

(José Justo)


.

.
.

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART
EMBLEMAS DAS UNIDADES OPERACIONAIS ESTACIONADAS EM TITE E AINDA DAS COMPªS DO INICIO DO BART

Facebook

Para abrires o nosso FACEBOOK, clica aqui


______________________________________________________________

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Horizonte do Ser


Companheiros
Hoje quero partilhar convosco uma experiencia interessante - fui assistir a uma palestra com o tema
 FILOSOFIA E O CINEMA.
É uma abordagem à combinação entre o cinema e a filosofia, ou vice-versa. E a palestra desenvolveu-se em volta do filme A ESCOLHA DE SOFIA, sobre a 2ª. guerra mundial e o holocausto.
Mas o mais interessante ainda é que esta palestra foi elaborada e apresentada por uma menina, hoje com 20 anos, mas que conheci com apenas 2 anos, filha dum casal meu amigo.
E vi-a crescer, com mais ou menos presenças, mas sempre a perceber que iria ser alguém com qualidade.
Aluna de excelentes notas, foi, por opção própria para a Universidade do Minho, onde frequenta o ultimo ano de Filosofia.
Do seu blog http://horizontedoser.blogspot.com/
transcrevemos com a devida vénia, dois textos - um de homenagem à sua FILOSOFIA e outro dedicado à sua falecida Avó, que mostra bem a sua sensibilidade, respeito, os seus sentimentos, os seus valores.
Parabens Sara!


Hoje, dia 17, terceira quinta-feira do mês de Novembro, celebra-se o Dia Internacional da Filosofia. Como disse René Descartes, «viver sem filosofar é o que se chama ter os olhos fechados sem nunca os ter tentado abrir.» A cada dia que passa, apercebo-me mais da importância desta frase. Aqui fica o meu muito obrigada à Filosofia, que mais do que uma paixão, é uma forma de vida. A minha forma de vida.
Sara Gonçalves"
_________________________
"Querida avó,

Desde que partiste que, no dia 8 de dezembro, dedico-te algumas palavras neste meu espaço. Poderia deixá-las na minha mente e, assim, só tu me ouvirias. Porém, o meu amor por ti é tão grande que sou forçada a mostrá-lo ao mundo à minha maneira.

Hoje, Portugal celebra o dia de Nossa Senhora de Conceição. Eu celebro o dia de Conceição Abreu, a mulher mais fantástica que alguma vez conheci. Não te pude acender uma vela (ainda tentei, mas o Sameiro tinha tanta gente que preferi não me enfiar no meio da multidão; não teria aquele silêncio que é imprescindível ao momento em que a chama emerge tal como um beijo que aquece o coração de quem o recebe), nem visitar o sítio onde dormes o mais profundo dos sonos, nem oferecer-te flores. Estou longe. Ainda assim, quero dar-te os parabéns e salientar que nunca me esqueço de ti. Estás sempre comigo e eu contigo. No meio da frialdade, somos o abrigo uma da outra.

Hoje, tive a visita dos meus pais e do teu marido, meu avô. Vi nos seus olhos alguma tristeza; porém, também vi que o esforço por esconde-la foi enorme. Talvez tenham percebido que tu não queres que estejamos tristes, muito menos por tua causa.

Espero que daí, desse lugar de onde nos vês, tenhas ficado orgulhosa com os sorrisos que se desenharam nos nossos rostos, cansados de chorar. Não cansados de te chorar a ti, querida avó, mas sim fatigados deste mundo injusto que, por vezes, não parece ter outra finalidade senão a dor e o sofrimento (como diria o filósofo Schopenhauer que ando a estudar para o teste de quinta-feira).

Quero que todos saibam que és a minha força, a minha inspiração, o meu conforto, a minha referência. Sempre foste, sempre serás.

Vou dormir e espero, sinceramente, encontrar-te nos meus sonhos. Talvez aí te possa abraçar, sentir não só o teu amor, como também o teu cheiro que me faz retornar àquela infância tão feliz que me proporcionaste.

Um beijo acompanhado de muito amor.

Da tua neta."

1 comentário:

Albertina Granja disse...

Que linda e grande manifestação de carinho....!!!!
Ver partir alguém que nos é muito querido (avó, mãe ou qualquer outro ser com quem temos uma enorme ligação) é sempre algo bastante doloroso (e quem já passou por isso tão bem o sabe...), mas é muito bonito ver que uma neta continua a sentir pela sua falecida avó um sentimento tão profundo...!!!!